Hospedagem de Sites com cPanel, Domínio, Emails, PHP, Mysql, SSL grátis e Suporte 24h
Free Translation Widget
Ultimas Atualizações
VIRTUALLYTON.ORG  (20-03-2018)
SAÚDE E MEIO AMBIENTE  (20-03-2018)
Shows e Eventos  (20-03-2018)
Informativo Raízes d  (20-03-2018)

Rating: 2.8/5 (456 votos)




ONLINE
2





Partilhe esta Página





 t

VIRTUALLYTON.ORG

CONCURSOS

(A figura abaixo é somente demonstrativo

os anuncios são antigos-clic link para

encontrar o jornal atualizado)  >

 www.folhadirigida.com.br/

tr

 SALVE SÃO JORGE TODOS OS DIAS

O

 ESPAÇO RESERVADO PARA 

SEU ANUNCIO. CONTATO

virtuallyton@gmail.com

LER FAZ BEM A SAÚDE

 

 

Notícias

14 de novembro

UNESPAR realiza amanhã

o Vestibular 2017/2018

15:11 A Universidade

Estadual do Paraná (UNESPAR)

realiza neste feriado (15) as provas

do Vestibular 2017/2018. Confira

o ensalamento. Amanhã serão

aplicadas […]

UFBA divulga resultado do

Vestibular EaD 2017/2

14:51 A Universidade

Federal da Bahia (UFBA) divulgou

o resultado do Vestibular EaD

2017/2. Confira a lista de classifi-

cação. Os candidatos aprovados

deverão […]


Programa oferece curso de

"Educação para a Democracia"

aos profissionais de Escolas

Públicas

16:42 A Câmara dos

Deputados abriu as inscrições para a

8ª edição do Missão Pedagógica no

Parlamento. A iniciativa visa capacitar […]

ESPM-Rio de Janeiro encerra

amanhã as inscrições do Vesti

bular 2018

14:50 A Escola Superior

de Propaganda e Marketing (ESPM) 

encerra amanhã (14) as inscrições do Ves

tibular 2018/1 para o Rio de Janeiro (RJ). […]

ENCCEJA 2017 será aplicado

para mais de 1,5 milhão

de estudantes

14:35 O Exame Nacional

para Certificação de Competências de Jovens

e Adultos (ENCCEJA Nacional) destinado

às pessoas que não concluíram os estudos na […]

UPF encerra hoje as inscrições do Vestibular de Verão 2018

13:55 A Universidade de Passo Fundo (UPF), no Rio Grade do Sul, termina nesta segunda-feira (13) o prazo de inscrições do […]

Associação Budista SGI Clama Pela Abolição Nuclear Como Imperativo Moral Em Conferência No Vaticano

06:03 TÓQUIO, 13 de novembro de 2017 /PRNewswire/ -- Hiromasa Ikeda, vice-presidente da associação budista Soka Gakkai Internacional (SGI) juntou-se a outros […]

11 de novembro

UFRR divulga locais de provas do Vestibular e PSS 2018

15:26 A Universidade Federal de Roraima (UFRR) divulgou ontem (10) os locais de provas do Vestibular e do Processo Seletivo Seriado […]

Inscrições para o Prêmio INEP de Jornalismo 2017 encerram segunda-feira

14:45 O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (INEP) encerra na próxima segunda-feira (13) as inscrições para o Prêmio INEP de Jornalismo. A […]

UFPE recebe inscrições para seu Vestibular de Música 2018 até amanhã

14:35 A Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) encerra amanhã (12) as inscrições para o Vestibular de Música 2018. Os interessados podem se candidatar na […]

Segundo dia de prova do ENEM 2017 acontece amanhã; horário de acesso ao local será o mesmo

14:16 O Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) 2017 realiza neste domingo (12) o segundo e último dia de provas. Serão aplicadas […]

10 de novembro

UEPG divulga locais de provas do Vestibular de Verão 2017

13:37 A Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), no Paraná, publicou os locais de provas do Vestibular de Verão 2017. Confira o […]

UEM divulga ensalamento do Vestibular de Verão 2017

13:15 A Universidade Estadual de Maringá (UEM), no Paraná, divulgou o ensalamento do Vestibular de Verão 2017. Os candidatos devem acessar o […]

UFSC apresenta hoje o espetáculo sobre a vida de Albert Einstein; entrada é aberta ao público e gratuita

10:56 O Grupo Pesquisa Teatro Novo da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) apresenta nesta sexta-feira (10), o Espetáculo Luz em Einstein. […]

Unioeste divulga locais de provas do Vestibular 2018

10:00 Os candidatos do Vestibular 2018 da Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste) já podem conferir os locais de provas na página do […]

09 de novembro

UEFS encerra amanhã as inscrições do PROSEL 2018/1

16:12 A Universidade Estadual de Feira Santana (UEFS), na Bahia, encerra sexta-feira (10) as inscrições do Processo Seletivo para Acesso ao Ensino Superior […]

INEP divulga locais de provas do ENCCEJA 2017

15:47 O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (INEP) divulgou ontem (8) os locais de provas do Exame Nacional para Certificação de […]

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O curso de fotografia da Fundação Bradesco é perfeito para fotógrafos iniciantes e que possuem pouca experiência sobre a áreas. Ele tem uma carga horária de 27 horas aula, Ele fornece dicas eficazes para fotografar melhor e mostra elementos importantes para compor boas fotos.

Link: https://www.ev.org.br/Paginas/Home.aspx


QUEM SOMOS ?
QUEM SOMOS ?

  

QUEM SOMOS! 

                                        UMA                                   NOVA ALTERNATIVA                                                                                                                                  PARA QUEM                       GOSTA DE CULTURA       

 


 

 

 DESENVOLVIDO POR VIRTUALLYTON.ORG

 Pela Cultura e para a valorização Cultural, este sítio é para que estejamos sempre conectados á virtualidade e, principalmente á história cultural, inclusive na divulgação do Brasil, mostrando através de pesquisas,entrevistas,fatos e fotos, alem de manter uma subpágina de notícias sobres assuntos relevantes ao público em geral. Abordaremos assunto esportivos, políticos, musical, teatro, cinema  e tantos outros, divulgaremos agendas de concursos e vestibulares e tudo que for de interesse público.

 Estaremos dispostos a aceitar sugestões e colaborações desde que, seja de fontes legais, sem ofensas, palavrões ou que venha interferir na honestidade e princípios do virtuallytonrio e/ou seu proprietário e criador. Para enviar sugestões e colaborações utilize o email nstonn@ig.com.br ou o FORMULÁRIO linkado à direita lateral,o material será analizado antes de aceitar e publicar, o mesmo deverá conter título, nome completo do remetente um email válido e autorização com assinatura virtual para a públicação neste sitio. Inicamos aqui com um pouco da Cidade Maravilhosa e um pouco da Mágia e Querida Bahia.

 


 

O trecho seguinte, retirado da introdução do livro

Narrativas, Imagens e Práticas Sociais: percursos em história cultural, é de autoria da historiadora gaúcha Sandra J. Pesavento, uma das autoras da obra e coordenadora do GT de História Cultural. Essa historiadora é uma das importantes referências na historiografia sobre História Cultural no Brasil e uma das principais incentivadoras desse campo de estudos. Leia o texto com atenção:

Pensar o passado, chegar lá, nesse mundo escondido e misterioso da temporalidade escoada. Tentar resgatar e, sobretudo, entender e explicar como os homens de uma outra época davam sentido ao mundo, como se relacionavam com os seus semelhantes e como pensavam a si próprios; descobrir as razões e os sentimentos que mobilizaram um outro tempo e que foram responsáveis por suas práticas sociais; compor tramas, surpreender enredos, supor desfechos de situações outras, distantes no tempo, e, por vezes, aparentemente incompreensíveis... Não serão essas, a rigor, as metas de todo aquele que busca tornar-se um historiador? Pensemos tal processo desde os pressupostos desta corrente historiográfica que, no contexto atual, perfaz 87% da produção científica do Brasil, contabilizadas teses e dissertações, livros e artigos de revistas especializadas, além de palestras e conferências, como também comunicações em congressos e simpósios: a história cultural. Por vezes, essa corrente de abordagem do passado vem sendo chamada de nova história cultural, distinta que é de estudos mais antigos – que privilegiavam as altas manifestações da cultura – com os quais se confunde em alguns momentos, tais como histórias da literatura ou da arte, ou, ainda, uma história intelectual, voltada para as ações e obras de grandes pensadores. Entendamos que aquilo que hoje chamamos de história cultural é outra coisa, a principiar pelo fato de que esta possui um embasamento teórico-metodológico específico, consolidado a partir da tão decantada crise dos paradigmas explicativos da realidade, que, no Brasil, veio impor-se, progressivamente, na década de 90 do século passado. 340 Teoria da História  Denunciando a incapacidade dos modelos de abarcar a complexidade do mundo e de dar conta da diversidade das ações humanas e de seus sentidos; entendendo tais modelos como redutores para a análise da realidade, na medida em que previam as respostas no momento da formulação das perguntas, atitude que comprometia a verdadeira aventura do conhecimento e da descoberta proporcionada pelo trabalho com o empírico – afinal, tudo já se encontrava, a rigor, explicado de antemão... –, a história cultural veio valorizar o – e dar reforço ao – papel do historiador. Munidos de conceitos que lhes permitem realizar escolhas e recortes na realidade passada, a ser investigada, os historiadores selecionam temas e os constroem como objetos, problematizando-os, ao levantar questões e formular problemas. Mas explicitemos um pouco mais essa postura historiográfica: que conceitos são esses que formam o patamar epistemológico partilhado pelos seguidores da história cultural? Um desses conceitos é vital para os estudos da cultura e diz respeito às representações. A incorporação de tal conceito marcou uma reviravolta na forma de os historiadores enxergarem o passado, redimensionando tanto o modo de pensar as marcas ou os traços que este deixou, sob a forma de fontes, quanto a própria escrita da história. As representações são a presentificação de uma ausência, em que representante e representado guardam entre si relações de aproximação e distanciamento. No início do século XX, os etnólogos Marcel Mauss e Émile Durkheim chamavam a atenção para essa construção social da realidade, realizada por meio de um mundo paralelo de sinais, o qual era surpreendido entre os povos primitivos que então estudavam. Tal realidade representada colocava-se no lugar do real "concreto", até mesmo substituindo-o. Conceito de que os historiadores se apropriaram, as representações deram a chave para a análise desse fenômeno presente em todas as culturas, ao longo do tempo: os homens elaboram idéias sobre o real, as quais se traduzem em imagens, discursos e práticas sociais que não somente qualificam o mundo como também orientam o olhar e a percepção sobre essa realidade Ação humana de re-apresentar o mundo – pela linguagem, pelo discurso, pelo som, pelas imagens e, ainda, pela encenação dos gestos e pelas  performances –, a representação dá a ver – e remete a – uma ausência. Ela é, em síntese, um "estar no lugar de". Com isso, a representação é um conceito que se caracteriza por sua ambigüidade, de ser e não ser a coisa representada, compondo um enigma ou desafio que encontrou sua correta tradução imagética na blague pictórica feita pelo pintor surrealista René Magritte em suas telas, nas quais se lêem as seguintes inscrições: "Isto não é um cachimbo" e "Isto não é uma maçã".341 Aula 20 – História Cultural: posições e tendências Do conceito de representação deriva o de imaginário, entendido como esse sistema de idéias e imagens de representação coletiva que os homens constroem através da história, para dar significado às coisas. O imaginário é sempre um outro real, e não o seu contrário. Este mundo, tal como o vemos, do qual nos apropriamos e ao qual transformamos é sempre um mundo qualificado, construído socialmente pelo pensamento. Este é o nosso "verdadeiro" mundo, no qual vivemos, lutamos e morremos. O imaginário existe em função do real que o produz e do social que o legitima; existe para confirmar, negar, transfigurar ou ultrapassar a realidade. O imaginário compõe-se de representações sobre o mundo do vivido, do visível e do experimentado, mas também se apóia sobre os sonhos, desejos e medos de cada época, isto é, sobre o não-tangível nem visível, que passa, porém, a existir e a ter força de real para aqueles que o vivenciam.E, nesse processo de investimento no mundo, de contato do homem com a realidade, impõe-se aos historiadores da cultura um outro conceito, que se situa no próprio âmago da construção social das representações: o das sensibilidades. Capturar as razões e os sentimentos que qualificam a realidade, os quais expressam os sentidos que os homens, em cada momento, foram capazes de dar a si próprios e ao mundo, constituiria acrème de la crème da história, a meta buscada por todo pesquisador! Funcionaria como o reduto mais íntimo da enargheia, essa impressão de vida ou força vital deixada pelos homens no mundo. As sensibilidades são formas de apreensão e de conhecimento do mundo que estão para além do conhecimento científico, que não brotam do racional ou das construções mentais mais elaboradas. Na verdade, poder-se-ia dizer que a esfera das sensibilidades situa-se em um espaço anterior à reflexão mais elaborada, na animalidade da experiência humana, brotada do corpo, como uma resposta ou reação em face da realidade. Como forma de ser e estar no mundo, a sensibilidade traduz-se em sensações e emoções, na reação quase imediata dos sentidos afetados por fenômenos físicos ou psíquicos, uma vez em contato com a realidade" (PESAVENTO, 2008, p. 5). Destaque os principais conceitos a que se refere a autora. Busque a sua definição no texto e, com a ajuda desses conceitos, elabore uma definição para História Cultural, com suas próprias palavras.


 

História Geral História do Brasil Arte e CulturaMUNDO ANTIGO
Portal de História, Geografia, Cultura e Arte
Centenas de páginas de textos didáticos e imagens

HISTÓRIA ANTIGA
E MEDIEVAL
* Pré-História
* Egito Antigo
* Hebreus, Persas e Fenícios
* Grécia Antiga
* Roma Antiga
* Atenas e Esparta
* China e Índia
* Astecas, Maias e Incas
* Povos da Mesopotâmia
* Império Bizantino
* Bárbaros Germânicos
* Cenas Medievais
* O Feudalismo
* História da África  
* História das Olimpíadas  
* Império Árabe

HISTÓRIA BRASILEIRA
* Cenas do Brasil Colonial
* Brasil Império
* Tiradentes e a Inconfidência
* Aleijadinho e o Barroco
* Independência do Brasil
* Brasil República
* O Cangaço
* A Era Vargas
* A Ditadura Militar no Brasil
* A Proclamação da República
* A Guerra de Canudos

HISTÓRIA MODERNA E 
CONTEMPORÂNEA
* Grandes Navegações
* Leonardo da Vinci
* O Renascimento Cultural
* Revolução Francesa
* Michelângelo
* Revolução Industrial
* Revolução Russa
* Reformas Religiosas
* Absolutismo e Mercantilismo
* Independência dos EUA
* Primeira Guerra Mundial
* Segunda Guerra Mundial
* Capitalismo, Socialismo e Comunismo
* Descobrimento da América
* A Guerra Fria
* Neocolonialismo e Imperialismo

CULTURA
* Folclore do Brasil
* Índios do Brasil : História e Cultura
* Machado de Assis e o Realismo
* O realismo no mundo
* Salvador Dali e o Surrealismo
* Camões e o Classicismo
* Romantismo na literatura brasileira
* Willian Shakespeare : vida e obra
* Impressionismo e Modernismo
* Cubismo, dadaísmo e futurismo

Novos sites e sugestões
  Arte Moderna / Assírios / Bandeirantes / Barroco / Comunismo / Literatura de Cordel / Cruzadas / Descobrimento do Brasil / Folclore Brasileiro / China / História de Atenas / Idade da Pedra / Idade Média / Maias / Mitos e Lendas / Astecas / Picasso / Renascimento Cultural / Roma Antiga / Aristóteles / Toda Biologia / História do Papai Noel / História do Natal / Folclore Brasileiro

 

Este site foi criado com o propósito de servir de base para pesquisas escolares e
divulgação de conhecimentos históricos e culturais. Acreditamos que, desta forma, estamos
contribuindo para a divulgação da cultura da humanidade.

 

Todos os direitos reservados © Mundo Antigo

AGORA QUE JÁ SABE QUEM SOMOS E QUAIS NOSSOS OBJETIVOS, COMEÇE A NAVEGAR, VISITE NOSSAS PÁGINAS. PARA CONHECER O QUE TEMOS PARA VOCE, AQUI VAI UM APERITIVO MUNDI, UM PRESENTE DO IBGE VAMOS DAR UMA VOLTA AO MUNDO. ACESSANDO http://ibge.gov.br/paisesat/main.php 

CIDADE LINDA E MARAVILHOSA

Vista Aerea do Aterro do Falmengo,Anseada de Botafogo, ao fundo o Pão de Açucar

O Rio de Janeiro é uma das 27 unidades federativas do Brasil. Situa-se na porção leste da região Sudeste, tendo como limites os estados de Minas Gerais (norte e noroeste), Espírito Santo (nordeste) e São Paulo (sudoeste), como também o Oceano Atlântico (leste e sul). Ocupa uma área de 43.696,054 km², sendo pouco maior que a Dinamarca. Sua capital é a cidade do Rio de Janeiro. Os naturais do estado do Rio de Janeiro são chamados de fluminenses (do latim flumen, literalmente "rio"). Carioca é o gentílico da cidade do Rio de Janeiro.

Os municípios mais populosos são: Rio de Janeiro, São Gonçalo, Duque de Caxias, Nova Iguaçu, Belford Roxo, Niterói, São João de Meriti, Campos dos Goytacazes, Petrópolis, Volta Redonda, Magé, Itaboraí, Macaé, Mesquita, Cabo Frio, Nova Friburgo, Barra Mansa e Angra dos Reis.

Muitas cidades destacam-se devido à forte vocação turística, como: Araruama, Angra dos Reis, Armação dos Búzios, Arraial do Cabo, Cabo Frio, São Pedro da Aldeia, Nova Friburgo, Penedo (distrito de Itatiaia), Paraty, Petrópolis, Rio das Ostras, Saquarema, Teresópolis, Sumidouro, entre outras.

O estado é formado por duas regiões morfologicamente distintas: a baixada e o planalto, que se estendem, como faixas paralelas, do litoral para o interior. Paraíba do Sul, Macaé, Guandu, Piraí, Muriaé e Carangola são os principais rios. O clima é tropical. Clik no Município e conheça sua História


CLIK NO LINK PARA VER O VÍDEO

http://youtu.be/adRBD8xxuEQ

Digit

bbb


 A BIBLIOTECA, CONSISTE NA MAIOR MANTENEDORA ARQUIVOLÓGICA DE FONTES HISTÓRICA DO PASSADO, PRESENTE E MEMÓRIA DO MONUMENTO FUTURO

 

 


   O Carnaval é a festa  mais popular do BRASIL,naõ existe uma definição concreta da sua origem, alguns pesqisdores dizem que surgiu na França outros dizem que foi criado pelos pagãs outros achamque foi na Grécia. A verdade é que o Carnaval é Cultura Brasileira e criado pela nossa gente, por todos nós e até por aqueles que naõ gosta do CARNAVAL.

 

Essa feste popular, que desceu o morro, foi pro asfalto levada por gente alegre de todas as RAÇAS e RELIGIÕES, absorvido pelo poder aquisitvo de todas as CLASSES e IDEOLOGIAS e respeitado por povos de todas as Nações. Mulheres lindas e maravilhosas, ritimistas,baianas e como disse o Poeta Compositor Caetano Veloso Muito SAMBA, SUOR E CERVEJA.  Acesse www.liesa.globo.com.br

 

 

 


A história da capoeira começa no século XVI, na época em que o Brasil era colônia de Portugal. A mão-de-obra escrava africana foi muito utilizada no Brasil, principalmente nos engenhos (fazendas produtoras de açúcar) do nordeste brasileiro. Muitos destes escravos vinham da região de Angola, também colônia portuguesa. Os angolanos, na África, faziam muitas danças ao som de músicas.

Ao chegarem ao Brasil, os africanos perceberam a necessidade de desenvolver formas de proteção contra a violência e repressão dos colonizadores brasileiros. Eram constantemente alvos de práticas violentas e castigos dos senhores de engenho. Quando fugiam das fazendas, eram perseguidos pelos capitães-do-mato, que tinham uma maneira de captura muito violenta. 

Os senhores de engenho proibiam os escravos de praticar qualquer tipo de luta. Logo, os escravos utilizaram o ritmo e os movimentos de suas danças africanas, adaptando a um tipo de luta. Surgia assim a capoeira, uma arte marcial disfarçada de dança. Foi um instrumento importante da resistência cultural e física dos escravos brasileiros.

A prática da capoeira ocorria em terreiros próximos às senzalas (galpões que serviam de dormitório para os escravos) e tinha como funções principais à manutenção da cultura, o alívio do estresse do trabalho e a manutenção da saúde física. Muitas vezes, as lutas ocorriam em campos com pequenos arbustos, chamados na época de capoeira ou capoeirão. Do nome deste lugar surgiu o nome desta luta.

Até o ano de 1930, a prática da capoeira ficou proibida no Brasil, pois era vista como uma prática violenta e subversiva. A polícia recebia orientações para prender os capoeiristas que praticavam esta luta. Em 1930, um importante capoeirista brasileiro, mestre Bimba, apresentou a luta para o então presidente Getúlio Vargas. O presidente gostou tanto desta arte que a transformou em esporte nacional brasileiro.  

A capoeira possui três estilos que se diferenciam nos movimentos e no ritmo musical de acompanhamento. O estilo mais antigo, criado na época da escravidão, é a capoeira angola. As principais características deste estilo são: ritmo musical lento, golpes jogados mais baixos (próximos ao solo) e muita malícia. O estilo regional caracteriza-se pela mistura da malícia da capoeira angola com o jogo rápido de movimentos, ao som do berimbau. Os golpes são rápidos e secos, sendo que as acrobacias não são utilizadas. Já o terceiro tipo de capoeira é o contemporâneo, que une um pouco dos dois primeiros estilos. Este último estilo de capoeira é o mais praticado na atualidade. Acesse http://capoeira_regional.vilabol.uol.com.br


A Lapa é um dos mais tradicionais e expressivo reduto da CULTURA CARIOCA, boêmios,pagodeiros,sambistas e muitos outroas encontra - se diariamente no bares e casa noturnas. Berço da gafieira a Lapa é, uma mistura cultural. Lá  residiram intectuais e artista, tais como; a baiana Carmem e o tambem baiano Jorge Amado, Lmartine Bambo, Orestes Barbosa Villas Lobos, Manoel Bandeira entre outros.

O Bairro da Lapa faz parte da vida Política do Rio de Janeiro, encontros partidários,movimentossociais e artisticos no Circo Voador e Fundição Progresso.....Veja mais sobre a Lapa acessando http://www.lanalapa.com.br


   ENTRE NESTA LUTA PELA DEFESA E PRESERVAÇÃO DA MATA ATLÂNTICA E FLORESTA AMAZÔNICA

PELO RESPEITO A ÁRVORE QUE ORIGINOU  O NOME DO PAÍS E SIMBOLO NACIONAL ( PAU BRASIL )